Alunos e professores da UFV indicam possível greve em protesto à PEC 55

Estudantes fazem assembleia para votar decisão sobre greve no dia 10 e professores no dia 11 de novembro.


Após estudantes da Universidade Federal de Viçosa (UFV) aprovarem, em assembleia realizada na última quinta-feira (3), indicativo de greve estudantil, nesta sexta-feira, professores sindicalizados à Seção Sindical dos Docentes da UFV (Aspuv) aprovaram, também durante assembleia, indicativo de greve para o dia 11 de novembro e paralisação no mesmo dia.

(Foto: Divulgação/Aspuv)
(Foto: Divulgação/Aspuv)

Segundo nota divulgada no site da Aspuv, o indicativo para o dia 11/11 significa que, nessa data, será realizada uma nova assembleia para votar a deflagração, ou não, da greve. Ainda de acordo com o órgão, o horário e o local da assembleia geral de toda a categoria, na próxima sexta, ainda vão ser definidos.

Durante o encontro, os sindicalizados debateram a mobilização da categoria contra medidas como a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55 (antiga PEC 241). Na próxima semana, vai ser realizada uma série de atividades “contra a perda de investimentos e a retirada de direitos”.

GREVE ESTUDANTIL

Em assembleia convocada pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE), os discentes da Universidade Federal de Viçosa (UFV) votaram e aprovaram indicativo de greve estudantil sem data definida para deflagração. Segundo nota divulgada pelo DCE, 352 estudantes compareceram à assembleia e 316 votaram favoráveis ao indicativo de greve estudantil.

Uma nova assembleia foi convocada para o próximo dia 10 para deliberar sobre a deflagração da greve estudantil. Ainda segundo o DCE, a convocatória com horário e local será enviada com antecedência a todos os estudantes por e-mail.

(Foto: Coletivo Olho de Peixe)
(Foto: Coletivo Olho de Peixe)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *