Exame do Coluni registra recorde histórico de candidatos por vaga

As provas estão marcadas para os dias 28 e 29 de novembro.


VIÇOSA (MG) – Ao comemorar 50 anos, o Colégio de Aplicação da UFV (Coluni) registrou a maior relação de candidatos por vaga para a realização de seu Exame de Seleção. Para a edição de 2016, estão inscritos 2.270 estudantes que disputarão 150 vagas. Isso representa a média de 15,133 candidatos por vaga.

As provas acontecerão nos dias 28 e 29 de novembro, das 14h às 18h, no campus Viçosa. As vagas serão oferecidas apenas para a 1ª série e preenchidas pela ordem de classificação.

O Coluni já obteve por sete vezes o melhor desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) entre as escolas públicas do país. O Colégio é destinado à formação de estudantes do ensino médio. Seu trabalho da escola acontece de maneira integral, com atividades extracurriculares, como a realização de projetos que envolvem todas as áreas do conhecimento.

Um comentário sobre “Exame do Coluni registra recorde histórico de candidatos por vaga

  1. Acho uma pena que o Coluni também tenha aderido a esse sistema de cotas.
    Vivemos hoje em uma sociedade onde os pais trabalham, pagam seus impostos, e na falta de escolas publicas de qualidade se sacrificam para pagarem a escola dos filhos. E um dinheiro que faz muita falta, pesa no orçamento da grande maioria.
    Na verdade são famílias que ao investir nos estudos dos filhos cumprem o papel que o governo deveria estar cumprindo com o dinheiro arrecado dos seus impostos.
    E quando tem uma escola publica de qualidade, como o Coluni, os seus filhos não tem o direito de concorrer de igual. São 30,40,50% menos cidadão????
    Temos uma sociedade que tira o direito de muitos jovens de viverem a cidadania plena, pois pela matemática tem menos direitos que outros.
    Acho que o governo deveria investir no ensino publico, e não retirar o direito e principalmente o sonhos dos jovens e dos seus pais, que tanto se sacrificam na labuta do dia a dia.
    Cresci ouvindo meus professores dizerem que a Constituição de 1988 dizia que os diretos de todos os brasileiros eram iguais, sem distinção!!!

    1. Acho uma pena que o Coluni também tenha aderido a esse sistema de cotas.
      Vivemos hoje em uma sociedade onde os pais trabalham, pagam seus impostos, e na falta de escolas publicas de qualidade se sacrificam para pagarem a escola dos filhos. E um dinheiro que faz muita falta, pesa no orçamento da grande maioria.
      Na verdade são famílias que ao investir nos estudos dos filhos cumprem o papel que o governo deveria estar cumprindo com o dinheiro arrecado dos seus impostos.
      E quando tem uma escola publica de qualidade, como o Coluni, os seus filhos não tem o direito de concorrer de igual. São 30,40,50% menos cidadão????
      Temos uma sociedade que tira o direito de muitos jovens de viverem a cidadania plena, pois pela matemática tem menos direitos que outros.
      Acho que o governo deveria investir no ensino publico, e não retirar o direito e principalmente o sonhos dos jovens e dos seus pais, que tanto se sacrificam na labuta do dia a dia.
      Cresci ouvindo meus professores dizerem que a Constituição de 1988 dizia que os diretos de todos os brasileiros eram iguais, sem distinção!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *