Agências bancárias de Viçosa e região reabrem após 21 dias de greve

Assembleia em Ponte Nova aceita reajuste de 10% nos salários e de 14% nos vales. Funcionários do BB e da Caixa também ratificam acordo.



VIÇOSA (MG) – Após 21 dias de paralisação, que fechou todas as agências bancárias de Viçosa, os funcionários decidiram voltar ao trabalho a partir desta terça-feira (27). O fim da greve foi aprovado em assembleia realizada na noite de ontem, segunda-feira, na Sindicato dos Bancários de Ponte Nova e Região. Na ocasião foi aprovada a proposta apresentada pela Federação Nacional do Bancos (Fenaban).

Durante a assembleia o presidente do Sindicato, José Carlos, elogiou a categoria local “que participou maciçamente da greve nacional, que foi uma das maiores dos últimos anos, durando 21 dias”. O Presidente ainda explanou a proposta da Fenaban, que apresentou como suas principais Cláusulas o índice de 10% de reajuste salarial e 14% de reajuste no valor da Cesta Alimentação e Auxilio Refeição. Também foi apresentada as cláusulas específicas do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

O presidente falou também sobre os dias parados. Segundo ele, após a apresentação da proposta de remuneração, o maior impasse durante as negociações foi a compensação ou o desconto dos dias parados. “Os banqueiros aceitaram abonar 63% das horas dos trabalhadores de 6 horas, de um total de 84 horas, e 72% para os trabalhadores de 8 horas, de um total de 112 horas”, contou.

A votação pela aprovação ou não da proposta e o fim da greve veio logo depois. Pela maioria, o resultado foi o retorno ao trabalho a partir desta quarta-feira (27), seguindo os colegas da maioria dos sindicatos do país, que também realizaram assembleias ontem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *