Autoridades de Viçosa almejam instalação de uma Delegacia de Polícia Federal no município

Autoridades municipais se reuniram na última quinta (16) com o superintendente estadual da Polícia Federal.

Cidade poderá ter pelo menos um posto de emissão de passaportes da PF.


VIÇOSA (MG) – A possibilidade da instalação de uma unidade da Delegacia de Polícia Federal em Viçosa foi discutida na reunião ordinária do Conselho Municipal de Segurança Pública (CONSEP), na última quarta-feira (16), no Plenário da Câmara.

A discussão contou com a participação do Superintendente da Polícia Federal do Estado de Minas Gerais, Sérgio Barboza Menezes; do Presidente licenciado representando o CONSEP, César Vieira; do Presidente da Casa, Luis Eduardo Salgado (PDT); do Delegado de Polícia Civil, José Donizetti Teixeira; do representante da 97ª Cia da Polícia Militar de Viçosa, Capitão Souza Lima; do Diretor de Logística e Segurança da UFV, Belmiro Zamperlini; da membro do CONSEP, Cristina Fontes e do Professor do Departamento de Ciências Sociais da UFV, Marcelo Durante Ottoni.

De acordo com César Vieira, a reunião visou uma aproximação da Polícia Federal com a intenção de buscar a instalação da Delegacia Federal no município. Ele ainda ressaltou a prioridade da confecção de passaportes e emissão de vistos, tendo em vista a alta demanda de estudantes estrangeiros da UFV, além de professores que vijam com frequência ao exterior. “Ficou acertado o espaço do CAC ou outro cedido pela Universidade, ou mesmo pelo Legislativo Municipal ou pelo Município de Viçosa,  para a instalação dessa unidade de confecção de passaportes. No entanto, o processo ainda passará por uma análise do Superintendente Sergio Menezes para ser aprovado.”

O Superintendente da Polícia Federal do Estado de Minas Gerais, Sérgio Menezes pontuou que a Polícia Federal pretende ocupar espaços vagos em Minas Gerais e vê a necessidade de implantação de pelo menos mais duas unidades na Zona da Mata e no Norte de Minas. Contudo, ele salientou que há falta de pessoal, visto que existem em torno de 11.600 policiais federais em todo o país e 683 em Minas Gerais, o que dependerá de concursos públicos para a abertura de novas unidades.

Sérgio indicou o caminho para conseguir a instalação da Delegacia  em Viçosa, deverá ser feito via Ministério do Planejamento, de forma que a demanda pudesse ser colocada no programa do Ministério da Justiça para o exercício de 2015.

Como encaminhamento do encontro, ficou definido que o Deputado Federal Ademir Camilo do PROS – Partido Republicano da Ordem Social agendará uma audiência no Ministério do Planejamento com vistas a levar o pleito a este órgão. O CONSEP, a Câmara de Viçosa e a UFV, enviará um documento ao Superintendente da Polícia Federal de Minas Gerais oficializando a demanda do município com relação à instalação da unidade da Polícia Federal.

Para finalizar, o Presidente licenciado César Vieira destacou: “Estamos perdendo os entes federativos em função da regionalização. Ponte Nova se tornou referência e é uma regional. Precisamos fazer com que Viçosa se transforme nessa regional, ocupando este espaço. Somos o único município que tem uma Universidade Federal e não possui as estruturas governamentais a altura para o atendimento desta demanda, como Delegacia Regional de Polícia Civil, Batalhão de Polícia Militar e Receita Federal. Já existe a Justiça Federal e o Ministério Público Federal, a vinda de uma Delegacia de Polícia Federal é de suma importância. Nós precisamos regionalizar, trazendo para nós as estruturas federativas, consolidando a nossa importante participação no cenário político, econômico e cultural da Zona da Mata Mineira. Neste sentido, estaremos mais próximos de projetos sociais e de desenvolvimento do Governo Federal. Desta forma estaremos incluindo os municípios vizinhos, potencializando um amplo e contínuo desenvolvimento regional”. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *